Via-Sacra Completa

Nenhum comentário
Via Sacra, Via-Sacra, Via Crúcis, Via-Crúcis

Via Sacra, Via-Sacra, Via Crúcis, Via-Crúcis

Estações da Via-Sacra

I: Jesus é julgado, acusado falsamente, caluniado, abandonado pelos seus amigos e injustamente condenado à morte.

II: Jesus carrega a cruz. Com grande amor a abraça. Nela, expiará nossos pecados. Ele pensa em nós e caminha rumo ao calvário.

III: Jesus não aguenta mais, suas forças diminuem e Ele cai pela primeira vez.

IV: Jesus encontra sua Mãe. A dor de ver sua Mãe sofrendo lhe abre mais feridas no coração. No entanto, ao mesmo tempo, ver o olhar amoroso de Maria o consola.

V: O cireneu ajuda Jesus a carregar a cruz.

VI: O rosto desfigurado de Jesus comove o coração de uma mulher e, com um lenço, ela o enxuga cuidadosamente.

VII: Jesus, sob o peso da cruz, cai pela segunda vez.

VIII: O Senhor aceita a vã compaixão das filhas de Jerusalém.

IX: Jesus cai pela terceira vez.

X: O Senhor é despojado das suas vestimentas.

XI: Jesus é crucificado.

XII: O Senhor morre na cruz.

XIII: O corpo de Jesus é tirado da cruz e recebido por Maria.

XIV: Jesus é depositado no sepulcro.

Nenhum comentário :

Postar um comentário


Oração à São Miguel Arcanjo
“São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede o nosso refúgio contra as maldades e ciladas do demônio. Ordene-lhe Deus, instantemente o pedimos, e vós, príncipe da milícia celeste, pela virtude divina, precipitai no inferno a satanás e aos outros espíritos malignos, que andam pelo mundo para perder as almas. Amém!”

Oração à São José:
Amado São José, vós que fostes instrumento da Providência Divina na Família de Nazaré, na Igreja e para com vossos irmãos, fixai nossos olhos nas coisas que não passam e dai-nos a graça de ordenar nossas vidas para os tesouros do céu. Amém! (em seguida, reza-se um Pai-nosso, uma Ave Maria, um Glória)
Glorioso São José, que fostes modelo de vivência da pobreza, da sobriedade, de instrumento da Divina Providência; vós que não detivestes para vós mesmo nenhum bem material ou espiritual, destinando-os sempre às necessidades de Jesus, de Maria e dos vossos irmãos; vós que, por graça divina, vistes restaurada em vós a vocação original do homem à caridade, trabalho, partilha e comunhão; vós que, inspirado pelo Espírito Santo, acolhestes a nova economia do Reino do vosso Filho Jesus, intercedei para que acolhamos o mesmo convite que vos fez o Pai de ser instrumentos de Sua Paz, de Sua Providência, de Sua Caridade, de Sua Pobreza para o homem de hoje. Amém